Viagem recheada de prazeres culinários pela Rota Romântica

Um dica logística para começar: ao viajar pela Rota Romântica, guarde espaço na mala do seu carro ou leve uma bagagem extra,

porque é muito provável que, entre Würzburgo e Füssen, um vinho ou uma cerveja lhe saiba tão bem que queira comprar uma garrafa no viticultor ou na cervejaria. É também bem possível que saia de uma fábrica familiar de rebuçados com o saco cheio, que compre as tradicionais “Schneebälle” ou mel caseiro para oferecer ou ainda sensacionais salsichas biológicas antes de regressar a casa. E mesmo que não leve nenhuma lembrança culinária para casa, ficará com uma recordação excecional da comida e das bebidas que encontrará ao longo da Rota Romântica!

Para todos os gostos e todas as carteiras
O percurso entre o Meno no norte e os Alpes no sul não é só rico em arte e cultura, em casas com treliças, em igrejas e em castelos. O percurso de 460 quilómetros é um verdadeiro paraíso culinário, uma descoberta pelas especialidades da Francónia, do Bade-Vurtemberga, da Suábia, da Baviera e do Allgäu. Há algo para todos os gostos e para todas as carteiras. Os apreciadores de comida farta e de cozinha gourmet ficarão igualmente bem servidos. Além disso, as refeições serão sempre degustadas num cenário fantástico.

Silvaner e salvelino 
Por exemplo, na confortável esplanada do restaurante “Sindel-Buckel” em Feuchtwangen, onde são servidas carpas da Francónia tenras e sem espinhas enquanto se saboreia um copo de Silvaner fresco. Ou no “Laurentius” em Weikersheim, restaurante premiado com uma estrela Michelin, onde os clientes se podem deliciar com vitela de Hohenlohe e aproveitar as vistas sobre o castelo do Renascimento. Ou no “Blaue Sau” em Rothenburg, que oferece aos seus clientes uma vista sobre a muralha histórica da cidade e pratos deliciosos como ceviche de lagosta ou bife tártaro com batata-doce. Após uma caminhada nos Alpes de Ammergau, o Kaiserschmarrn na cabana por cima de Halblech sabe maravilhosamente bem, e o salvelino degustado no restaurante do lago de Alat junto a Füssen é pura poesia…